• Finanças e Controle
  • Fiscalização
  • Gestão Pública
  • Segurança Pública
  • Comércio Exterior
  • Diplomacia
  • Advocacia Pública
  • Defensoria Pública
  • Regulação
  • Política Monetária
  • Planejamento
  • Orçamento Federal
  • Magistratura
  • Ministério Público
Notícias
Adiamento dos Reajustes» Paulo Paim irá pedir que o presidente do Senado rejeite a MP 849/2018 Parlamentar gravou um vídeo com Rudinei Marques reforçando o compromisso com os servidores. O senador também protocolou emendas que corrigem os principais efeitos do dispositivo. Com informações: Ascom/UNACON SINDICAL Publicado em 10/09/2018 às 16:35 | Atualizado em 10/09/2018 às 16:39

O Senador Paulo Paim irá pedir ao presidente do Senado Federal, Eunício Oliveira, a rejeição integral da Medida Provisória (MP) 849/2018 que adia, para 2020, a última parcela do reajuste previsto na Lei 13.327/2016. Na manhã desta segunda-feira, 10 de setembro, o parlamentar gravou um vídeo com Rudinei Marques, presidente do Fórum Nacional das Carreiras de Estado (Fonacate) e do Unacon Sindical, reforçando o compromisso com os servidores.

 

“Essa MP é ilegal e imoral. Como ela vai retirar aquilo que já tinha sido acertado no passado?”, questionou. A recomposição de 27,9% em quatro anos – 6,99% em 2017; 6,65% em 2018; 6,31% em 2019 – foi fruto da negociação salarial de 2015.

 

“Espero que Eunício atenda o nosso pedido e que essa MP seja rejeitada. Por segurança, apresentei uma série de emendas que corrigem os principais defeitos dessa medida provisória”, informou. Até o fechamento dessa matéria, 96 emendas já tinham sido protocoladas. Paulo Paim é o autor de oito emendas – 24, 25, 26, 70, 71, 72, 73, 77 e 78 (saiba mais aqui). Assista, abaixo, a íntegra do vídeo.

 

Todos os direitos reservados © FONACATE 2013 layout por grupoflamba.com & desenvolvido por MGNIERS Política de Privacidade Termos de Uso